Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
28/05/18 às 18h41 - Atualizado em 17/09/18 às 17h53

Roteiro do cadastro para doação de medula óssea

 

1. Registro

 

Identificação e apresentação de documento oficial com foto.

 

2. Sala de coleta

 

  • Orientações sobre o cadastro e a doação de medula óssea;
  • Preenchimento de ficha com informações pessoais e assinatura de um termo de consentimento livre e esclarecido (TCLE);
  • Coleta de sangue (aproximadamente 10 ml) para a realização de exames.

 

3. Laboratório

 

  • O sangue é analisado para identificar as características genéticas do possível doador;
  • Os dados pessoais e os resultados dos exames são incluídos no Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (Redome).

 

4. Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome)

 

O sistema faz o cruzamento de dados entre os doadores e os pacientes que necessitam de um transplante. Em caso de compatibilidade com um paciente, o voluntário é consultado para decidir quanto à doação. Por isso, é necessário manter os dados de contato sempre atualizados.

 

Lembre-se:

  • Atualize seu cadastro de doador de medula óssea pelo site do Inca.
  • Você poderá ser chamado para doar até os 60 anos de idade, se identificada compatibilidade com algum paciente.
  • A agilidade na comunicação com o doador compatível pode fazer muita diferença para quem precisa do transplante.

Fundação Hemocentro de Brasília - Governo de Brasília

FHB

Setor Médico Hospitalar Norte, quadra 3, conjunto A, bloco 3. Asa Norte, Brasília-DF. CEP: 70.710-908.